Menu

Dra. Deborah Dadalto, médica radiologista da Uniscan, esclarece algumas dúvidas frequentes das mulheres.

1- Quando devo iniciar a realização das mamografias?

RESPOSTA- Estas devem ser iniciadas na população feminina em geral a partir de 40 anos, com seguimento de acordo com os achados de imagem do exame realizado, com um intervalo de 1 ou 2 anos em geral.
Exceto se existir um caso na família, como tia, irmã ou mãe, onde o indicado é realizar o exame todos os anos a partir dos 35 anos de idade, para a prevenção da doença.
Vale lembrar que a critério médico o exame de mamografia pode ser solicitado a qualquer hora, especialmente se houver uma suspeita, como presença de nódulos, além de outras queixas, que possam levar seu médico a suspeitar de um tumor na região das mamas.

2- Implante de mama (silicone) pode atrapalhar o diagnóstico do câncer de mama?

RESPOSTA- Sim. O implante de mama pode atrapalhar o diagnóstico do câncer de mama.
Os implantes mamários podem interferir na detecção de câncer de mama porque podem obscurecer a imagem da mamografia de um tumor.
É fundamental ter em mente que, com ou sem implante de mama, todas as mulheres devem fazer os devidos exames anualmente, sem exceção, principalmente depois de atingir a vida adulta ou ao notar algo de diferente nas mamas.

3- O exame de mamografia dói?
RESPOSTA- O exame de mamografia não é complicado de se fazer. Pode gerar certo desconforto pela compressão das mamas, que são sensíveis. No entanto, o médico poderá orientar a paciente quanto à melhor forma de aliviar o desconforto, que nunca deve ser um empecilho para que a mulher não realize o exame.